Compras públicas correspondem, em média, a 13% do PIB brasileiro, de acordo a OCDE – Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico. Os órgãos públicos devem cumprir exigências legais para a contratação de serviços e produtos, e os fornecedores são as empresas que vencem as licitações por terem cumprido os requisitos solicitados. Isso tudo faz parte do processo de Compras Públicas, que é um instrumento de avaliação de qualidade do gasto do dinheiro público no que tange a aquisição de bens e serviços.

Em outras palavras: para o Estado funcionar, ele deve comprar materiais que propiciem que o trabalho seja executado e o cidadão seja atendido, e esse processo deve prezar pelo gasto eficiente do dinheiro dos contribuintes. É preciso comprar de forma inteligente, gastando bem os recursos que existem na área pública e respeitando o valor arrecadado dos bolsos da população.

Em 2014, a NTConsult foi contratada pelo Governo do Estado do Rio Grande do Sul para desenvolver o GCE – Sistema de Gestão de Compras do Estado do Rio Grande do Sul. O projeto foi financiado pelo Banco Mundial e teve duração até 2017. Na época, existia a urgência em modernizar o sistema anterior, que atendia somente uma parte do ciclo de vida de compras públicas do Estado.

Foi nesse contexto desafiador e de grande impacto no Estado do Rio Grande do Sul que a NT desenvolveu uma solução digital completamente nova. O projeto resultou em um sistema baseado em uma arquitetura de três camadas, integrado aos demais sistemas do Estado, garantindo a comunicação entre todos os canais. Para atender toda a gama de sistemas, cada um com suas peculiaridades tecnológicas, a integração foi feita com as mais diversas metodologias, sempre visando entregar a solução mais eficiente e eficaz. O resultado não poderia ser outro: o sistema foi altamente bem-sucedido, e hoje é utilizado pelo Banco Mundial como um case de sucesso em apresentações espalhadas pelo mundo. Desde seu lançamento foram feitas cerca de 4.000 compras pelo GCE, sendo 2.000 somente no ano de 2020. Isso graças ao fato de a NT ter conseguido atender de imediato às adaptações com base na Lei Federal 13.979/2020, publicada em fevereiro deste ano para o enfrentamento da Covid-19. Ou seja: durante a pandemia, o sistema foi determinante para facilitar a continuidade do fornecimento dos serviços do Estado de forma estável. Mesmo com a quarentena, o contato com os fornecedores do Estado foi feito através da solução desenvolvida pela NT, viabilizando a operação do processo de compras públicas de modo contínuo. O Estado do Rio Grande do Sul também divulga o Sistema de Gestão de Compras Públicas aos outros estados, como uma referência em soluções digitais complexas e integradas.

Na NTConsult, acreditamos em usar a tecnologia para fazer a diferença. Enxergamos nos desafios a oportunidade de inovar, e implementamos as melhores soluções desenvolvidas pelas melhores pessoas de TI do mercado.

Quer saber mais sobre a NT e conhecer nossas soluções? Entre em contato com a gente! Ficaremos felizes de ouvir você.